terça-feira, 10 de agosto de 2010

O relacionamento perfeitamente amadurecido e espiritualmente válido precisa estar sempre profundamente ligado ao crescimento pessoal. No momento em que o relacionamento é percebido como irrelevante para o desenvolvimento interior e, por assim dizer, abandonado à própria sorte, ele começa a tropeçar.





Somente quando os dois parceiros crescem até o máximo do seu potencial é que o relacionamento pode tornar-se mais e mais dinâmico e vivo. Esse trabalho precisa ser feito individualmente e em conjunto. Se o relacionamento é encarado dessa maneira seus alicerces se apóiam na rocha , não na areia. Medo nenhum jamais criará raízes em tais circunstâncias. Os sentimentos se ampliam e aumenta a segurança de cada um e em cada um.


...As dificuldades que surgem no relacionamento sempre são sinais de algo que não foi cuidado.
Relacionamentos são simultaneamente uma satisfação, um desafio e uma medida de avaliação do estado interior.

A intimidade te intimida?

Fonte:Criando União de Eva Pierrakos.Judith Saly





Um comentário:

  1. e como!!!!! dá medo, muito medo de ficar machucada.Ana

    ResponderExcluir

Apontadora de Idéias

Minha foto
São Paulo, Brazil
"A senhora me desculpe, mas no momento não tenho muita certeza. Quer dizer, eu sei quem eu era quando acordei hoje de manhã, mas já mudei uma porção de vezes desde que isso aconteceu. (...) Receio que não possa me explicar, Dona Lagarta, porque é justamente aí que está o problema. Posso explicar uma porção de coisas... Mas não posso explicar a mim mesma." (Lewis Carroll)

Arquivo do blog