segunda-feira, 24 de outubro de 2011

imagem da internet


O custo das coisas é a quantia do que chamo vida que se paga em troca dessas coisas,imediatamente ou a longo prazo.



Henry David Thoreau, Walden

6 comentários:

  1. lindo minha amiga adorei esta verdade tão consistente,esta divida é paga durante muito tempo as vezes em suaves prestações mas sem que fique um centavo sem pagar,parabens por compartilharr as verdades e curiosidades da vida bjs marlene

    ResponderExcluir
  2. Lindo e reflexivo...beijos,linda semana!chica

    ResponderExcluir
  3. Fabuloso tanto a frase como a imagem... queremos carregar sempre uma "quantia" seja do passado ou do futuro e a vida desprendida não tem preço deixar todas as bagagens deixa a viajem pela vida muito mais leve. Tudo é um breve lapso do tempo em nós.Obrigado Eliete visitar seu blog é impagável.

    ResponderExcluir
  4. Tudo nessa vida tem um preço...

    Beijos, minha querida!
    Liz

    ResponderExcluir
  5. Fantástico minha querida! cuidar com o pesa que estamos levando...limpar...limpar...limpar! bjs

    ResponderExcluir
  6. Belo texto para reflexão! imagem forte que suscita diferentes interpretações. Um abraço

    ResponderExcluir

Apontadora de Idéias

Minha foto
São Paulo, Brazil
"A senhora me desculpe, mas no momento não tenho muita certeza. Quer dizer, eu sei quem eu era quando acordei hoje de manhã, mas já mudei uma porção de vezes desde que isso aconteceu. (...) Receio que não possa me explicar, Dona Lagarta, porque é justamente aí que está o problema. Posso explicar uma porção de coisas... Mas não posso explicar a mim mesma." (Lewis Carroll)

Arquivo do blog