domingo, 12 de dezembro de 2010

Estou super feliz!

Acabo de ganhar meu primeiro selinho de um blog que gosto muito http://paraumundomelhor.blogspot.com/


Obrigada ,Vivi , por este presentão!




Tenho que colocar 10 coisas sobre mim, então vamos lá:


.adoro meu trabalho



.amo minha família



.sou católica por devoção



.tenho amigos maravilhosos



.minhas paixões são livros e músicas



.gosto de dormir cedo



.não gosto de eventos sociais



sou alegre e triste



.não sei ficar sózinha por muito tempo



.sou mineira de coração



Indico o selo:

Somos Noéis

Mar à vista

Sensivity

Inverso Meu

Catharsis

Vendo as cores da vida

Cheiro de flor quando ri

Contos e Encantos/Caio Fernando de Abreu

Interioridades

Apenas um cadinho de poesia

Regras:

1.Terei que passar o selo para 10 blogs

2.Terei que avisar para os 10 blogs que ganharam o selinho

3.Falar 10 coisas sobre você



.

5 comentários:

  1. Eliete,
    Sinto-me muito grato pela distinção, até por vir de quem vem. Muito obrigado!

    Beijo :)

    ResponderExcluir
  2. Fiquei muito feliz com a indicação. Já levei comigo o selinho. O seu blog merece ser presenteado. Em breve vc vai receber mais. Beijinhos.

    ResponderExcluir
  3. Eliete,


    Parabéns !!!
    Você mais que merece todos os selinhos.
    Seu blog , seus escritos são lindos ... :)


    Obrigada , fico super feliz em o receber de você.
    :)



    Bjo Grande e uma Tarde Serena.

    ResponderExcluir
  4. Eliete,


    Quero retribuir seu carinho te ofertando
    um selinho que acabo de ganhar.
    É o primeiro da Pg. de Selinhos.
    Não tem regrinhas , é pegar.
    Espero que goste ... :)


    BjO.

    ResponderExcluir
  5. ola
    passando para te convidar para visitar meu novo cantinho:
    www.amorimortall.blogspot.com
    me siga por favor
    beijos

    ResponderExcluir

Apontadora de Idéias

Minha foto
São Paulo, Brazil
"A senhora me desculpe, mas no momento não tenho muita certeza. Quer dizer, eu sei quem eu era quando acordei hoje de manhã, mas já mudei uma porção de vezes desde que isso aconteceu. (...) Receio que não possa me explicar, Dona Lagarta, porque é justamente aí que está o problema. Posso explicar uma porção de coisas... Mas não posso explicar a mim mesma." (Lewis Carroll)

Arquivo do blog